Socorro, adotei outro gato!

Como se não bastasse a Mia que adotei no final de março, agora, no final de junho, resolvi adotar o Vincent, um gatinho lindo que a Veterinária da Mia encontrou e acolheu até providenciar um lar para ele e os irmãos. Eu queria adotar todos, mas só tinha um precisando de um lar e como moro em apartamento, melhor ir aos poucos, que bom  que eu pensei assim, não porque os gastos tenham aumentado, mas porque os gatos não ficam amigos assim de uma hora pra outra como acontece com a gente e os cachorros.

Acho que vi um gatinho

Acho que vi um gatinho
Acho que vi um gatinho

Assim que passei pela porta com o Vincent no colo, a Mia deu um pulo e começou a fungar loucamente em direção ao gatinho. Levei o novato para o quarto que já estava preparado para recebê-lo, com pote de comida, água, banheiro e alguns brinquedos.

Nos dois primeiros dias a Mia não queria nem saber de mim, já que eu revezava entre os dois e o cheiro do gatinho ficava em mim. Ela não me agrediu, mas me cheirava e saia decepcionada. Me partia o coração deixar o bichinho tão pequenino no quarto. Toda hora eu corria lá e brincava um pouco com ele, observava se estava comendo e bebendo água direito.

Acho que vi um gatinho
Cansei de ser gato, virei cachecol

No terceiro dia a Mia já ficava na porta esperando, as vezes miando desesperadamente e não me ignorava mais, pelo contrario, pulava no meu colo e não largava mais.

Detalhe, como a Mia estava acostumada a dormir no meu quarto e este é o único quarto que tem porta em casa e estava abrigando o Vincent, tive que dormir no quarto das crianças com ela, ou ela ficava chorando a noite toda do lado de fora.

No quarto dia comecei a deixa lo sair do quarto e ficava observando o comportamento dos dois, ela fungou um pouco, mas parecia mais estar brincando com ele, assim foi até o sétimo dia quando deixei os dois juntos uma tarde inteira, no começo se desentenderam, percebi que a Mia cansava de brincar e fugia dele, procurava um local alto para dormir e ele depois de tentar chamar a atenção dela por muito tempo acabava dormindo também.

Acho que vi um gatinho

Com uma semana os dois já conseguiam conviver razoavelmente bem. Eu fico sempre observando e separo se vejo que o clima está esquentando. Ela é maior que ele, mas só se defende, ele é uma bolinha de pelo teimosa e implicante, que pula e morde a Mia o tempo todo.

Acho que vi um gatinho

Fora essa adaptação, os cuidados são os mesmos que já falei aqui.  A unica coisa que tentei de diferente foram brinquedos com catnip que dizem que acalmam os gatos, mas não vi diferença, foram baratinhos, e eles ainda preferem o espanador, a bolinha de papel e cadarços velhos dos meninos. E não há cama quentinha, travesseiro ou edredom que os façam sair do meu colo, eles agora vivem num rodizio entre o colo e o notebook, não me deixam nem digitar, preciso aprender a blogar pelo celular.

Acho que vi um gatinho

Eles e o trabalho me deixaram distantes do blog, estou cheia de dicas e receitas pra postar, vamos ver se eles começam entender que preciso blogar. Tomara que eles parem com os ataques de fofura em que eu tenho que parar tudo e apertar de tão fofinhos que são!

Acho que vi um gatinho

Acho que vi um gatinho

Quem tem gatinho, ou mais de um, sabe do que eu to falando e pode me ajudar, me conte como fazer tudo e não ficar o dia todo só dando carinho?

 

 

2 comments Add yours
  1. Acho que como na minha casa nós éramos em 4 pessoas e 6 gatos, a gente revezava bem e cada gato não ficava tão grudado em uma pessoa só!
    Agora que são só dois gatos a coisa fica mais carente e eles grudam mesmo! Mas não sei como te ajudar, pq eu também paro tudo que estou fazendo pra ficar admirando eles <3 Não tem como resistir!!!

  2. Oiiiiii…. Quando vc adotou a Mia eu comentei o post. Também tenho duas crianças… Aliás, 2 mocinhas….rssss….. Têm personalizada totalmente diferentes. Uma adora uma caixa de papelão e a outra um lugar bem macio….rssss….. Uma é meio brava, me dá até corrida se eu bobear….rsss….. E a outra é mais amorosa. Adoro minhas gatinhas!!! E são assim como os seus gatinhos, estão sempre perto fazendo companhia. Oh, se quiser conhecer as minhas gatinha veja o link do face https://www.facebook.com/LucianaRRibeiro/media_set?set=a.184256004945688.34143.100000838680084&type=3. Ah, e seus gatinhos são lindos!! Parabéns pela adoção!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *